1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer

Eventos do CEA

Mensagem da Partilha Ministerial e Jornada Teológica

ÁREA II – CURITIBA/PR

ACOLHER E SERVIR

Sob a temática geral de ACOLHER E SERVIR, e sob a coordenação do Centro de Estudos Anglicanos (CEA), e a orientação dos Coordenadores dos Centros de Educação Teológica (CETs), bispos, clérigos/gas e leigos/gas da Área Sinodal II (Diocese Anglicana de Curitiba, Diocese Anglicana de São Paulo e Diocese Anglicana de Rio de Janeiro) estivemos reunidos entre os dias 17 e 18 de julho de 2015, na Catedral de São Tiago, em Curitiba/PR, na PARTILHA MINISTERIAL E JORNADA TEOLÓGICA da Área II. Esteve também presente a Revda. Carmen Etel Alves Gomes, Coordenadora da Área I e Coordenadora Acadêmica do CEA.

[+] Confira as fotos do encontro clicando aqui.

Esta seria a primeira das Partilhas Ministeriais que serão realizadas durante 2015 nas três Áreas Sinodais da IEAB.

A Celebração Eucaristia de abertura foi presidida por Dom Naudal Alves Gomes, bispo da Diocese Anglicana de Curitiba, que mais uma vez acolheu carinhosamente os representantes da Área Sinodal II, e concelebrada pelas Revdas. Carmen Kawano, Lucia Dal Pont Sirtoli, Meriglei Borges Simin e Carmen Etel Alves Gomes, destacando assim os 30 anos de ordenação feminina no Brasil. Desta vez todas as rodadas de discussão foram coordenadas e moderadas pelos Coordenadores dos Centros de Educação Teológica (CETs) das dioceses.

Para o primeiro dia do evento foi convidado como palestrante o Dr. Edson Fernando (Pastor da Igreja Cristã em Ipanema, no Rio de Janeiro), que discorreu sobre o tema “Pastoral Urbana” abordando, sobretudo, a importância de “servir as dores de Deus nas dores do mundo”, onde com sua palestra, seguida de momentos de questionamentos, análises e partilhas, refletimos sobre a dificuldade cultural de se lidar com a finitude humana e em fazer dos conflitos e tristezas quotidianas experiências de crescimento, que não só podem, mas que precisam ser vivenciadas.

A compreensão dessa dinâmica é fator de importância na realização da missão no contexto em que vivemos no século XXI, onde a acolhida e o serviço da Igreja devem abranger tanto o choro quanto a alegria como meios de crescimento dos indivíduos e das comunidades, contrapondo-se, assim, à imposição existente nos dias de hoje. Na plenária os grupos destacaram a missão como instrumento de compaixão, desprendimento e forma de serviço a Deus, trabalhando a necessidade de uma “missão encarnada”, buscando equilíbrio nas suas ações sem perder a força e desafios que são contínuos na vida da Igreja.

Para o segundo dia a programação contou com a presença da Drª. Mercedes Brancher (Assessora de Leitura Popular da Bíblia / Igreja Católica Apostólica Romana) com o tema “Missão na Bíblia”, onde mostrou a importância de uma leitura contextualizada da Bíblia, dialogando com a realidade de nossos dias, uma vez que - para a missão - o “sair” de onde está não se resume à geografia, mas também aos conceitos, costumes e tradições que temos tanto individualmente, quanto como comunidade de fé, de onde resulta a importância de entender a missão com seu caráter de “envio que vai ao encontro” de forma plena e quebrando barreiras. Com base na atuação de alguns profetas do Antigo Testamento, como Moisés, Isaías, Amós, Jeremias, Jonas, assim como no Novo Testamento da mulher samaritana e Jesus, foram mostrados pela palestrante diversos exemplos de atuações, seus contextos e alguns paralelos com nossos dias.

Encerrando, foram apresentadas sínteses sobre temas e perguntas levantadas ao longo do encontro, feitas pelos grupos após momento de diálogo, identificando aspectos como: as dificuldades da Igreja em compartilhar mais o que está fazendo, tanto em relação aos resultados esperados, quanto com resultados ainda não alcançados. De igual modo, a postura da Igreja ante o consumismo e injustiças no mundo não podem se limitar a teoria, mas deve buscar o desenvolvimento espiritual do individuo e, por conseguinte, da coletividade, fato que também depende do reforço da nossa identidade enquanto cristãos anglicanos. A Igreja deve romper a comodidade de ter comunidades que se limitam ao convívio interno, sem contribuir efetivamente na transformação do mundo. A vivência comunitária e o engajamento em prol do outro caminham juntos.
 
Diante das experiências vivenciadas no encontro, afirmamos:

  1. Nossa compreensão da Igreja como instrumento de serviço a Deus, que só se realiza quando nos desprendemos primeiro individualmente como cristãos, e a partir daí como comunidade, que é Eclésia, percebendo que “nós somos os outros e os outros somos nós”.
  2. Nossa consciência de que a Bíblia e a vida dialogam uma com a outra, por isso o entendimento da mensagem da primeira passa também pela sensível leitura da outra.
  3. Nosso compromisso como cristãos de continuamente buscar colocar em prática o que aprendemos.

Saímos com o desafio e compromisso de elabora um plano de missão conjunto para fortalecimento da Área II, partindo da realidade de cada diocese.

Curitiba, 18 de julho de 2015.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Novidades CEA

Reflexões Nº8 – Centro de Estudos Anglicanos…

Reflexões Nº8 – Centro de Estudos Anglicanos

ões da Conferência de Lambeth 199

Read More...

Livro: Herdeiros da Fé…

Livro: Herdeiros da Fé

Herdeiros da Fé Livro do Professor…

Leia Mais > Livro:...

Reflexões Nº9 – Centro de Estudos Anglicanos…

Reflexões Nº9 – Centro de Estudos Anglicanos

de Virgínia(Reátório da Comiss

Read More...

Reflexões Nº6 – Centro de Estudos Anglicanos…

Reflexões Nº6 – Centro de Estudos Anglicanos

ia Anglicana: Evolução, Diversidad

Read More...

Reflexões Nº7 – Centro de Estudos Anglicanos…

Reflexões Nº7 – Centro de Estudos Anglicanos

Comunhão e Compaixão - Lambeth

Read More...

Destaque CEA

IEAB…

IEAB

Conheça o site da IEAB - Igreja Epis…

Leia Mais > IEAB…

Calendário de Assessorias e Projetos Diocesanos 2014…

Calendário de Assessorias e Projetos Diocesanos 2014

A seguir publicamos o Calendário de Asse

Leia Mais > Calendário...

Comunhão Anglicana…

Alterações canônicas para a Educação Teológica na IEAB…

Alterações canônicas para a Educação Teológica na IEAB

[+] Acesse aqui as Mudanças Canônicas...…

Leia Mais > Alterações...

Curso em EAD…

Curso em EAD

    Conheça nos Cursos de Formação…

Leia Mais >Curso em...

Últimos Comentários

  • Novo site, novos tempos
    João Maciel João Maciel
    Olá Equipe do CEA, gostaria de parabenizar a todos que estão nesta missão de partilha do conhecimento ...

    Leia mais ...

     
  • Deixe seu Comentário
    Alessandra Alessandra
    Paz e amor elisandrotc@gmail.com

    Leia mais ...

     
  • História do CEA
    manicure manicure
    Good post. I learn something new and challenging on sites I stumbleupon everyday. It will always ...

    Leia mais ...

© 2013-2017 Centro de Estudo Anglicanos - CEA. Todos os direitos reservados.

Desenvolvimento e Hospedagem de Sites

Salvar

Salvar